Criando um mundo à minha medida... -"Grande mundo!!! Tu só medes 1.80"...

Terça-feira, 13 de Novembro de 2007

Porque será que nos momentos em que mais nos magoam, quando nos sentimos mesmo em baixo, temos necessidade de chorar, de desabafar e mandar todo além???

Não deveria ser nesse preciso momento que deveríamos encher-nos de força e gritar: “NÃO, ISTO NÃO PODE CONTINUAR ASSIM!!!”.

Quando estamos assim, sentimos vontade de ficar sozinhos, refugiarmo-nos num mundo que nos próprios criamos e esperar que as coisas se revolvam por si só…

Ainda ontem estava assim, ainda hoje estou e, provavelmente ainda amanhã estarei….

Gostaria de ser descontraído e relaxado, deixar que as coisas andem por si só, pensar que para todo há solução, basta esperar…Mas não sou capaz…

Ontem senti a dor dos meus em mim, senti a fúria, senti a compaixão… Senti um misto de sentimentos que fizeram com que me sentisse confuso e sem reacção… Queria desligar o telemóvel, que insistentemente resolvia tocar, queria sair do Msn que invejosamente tentava competir com o telemóvel, mas esse soltava daqueles toques que faziam com que uma pessoa pensa-se que nem sempre o suicídio é má solução :p.

As lágrimas caem, a cara resolve esmorecer, a auto-estima esta no fundo….

Ouço uma música calma que me deixa muito em baixo, que me faz pensar em momentos vividos difíceis, música que me faz pensar o porque da vida… Mas é essa mesma música que me faz lembrar que um dia tu tiveste aqui, que contigo podia repartir os problemas, que podia abraçar, que até um beijo poderia ter…

 

Frase: A vida rouba-nos a alegria de viver e retribui-nos com a vontade de querer o seu fim…

sinto-me:
música: D`Black - Sem ar
tags:
publicado por EA às 20:54

De Akela_Nina a 13 de Novembro de 2007 às 21:19
Antes de mais desculpa intrometer-me, mas o teu post chamou-me a atenção porque também tenho esses dias difíceis como quase toda a gente e sei o que isso é e o quanto custa.
Gostava de quando tudo parece que está destruído ter uma força dentro de mim e não me destruir também, de quando tenho de ser forte não chorar.. mas enfim é difícil , eu sou sensível e não consigo esconder sentimentos, emoções nem tão pouco disfarçar.
Espero que esses dias difíceis acabem para ti e que consigas dentro de ti essa força que te faz lutar cada dia que passa. Viver o presente apenas e não preocupar com o futuro.
O fim não é a solução, cada dia é uma etapa, e todas as escolhas, todas as oportunidades que temos são apenas obstáculos .

De Luna a 15 de Novembro de 2007 às 15:31
Ainda há pouco tempo escrevi um artigo no meu blog sobre essa força que precisamos de ter e que alguns não têm, e outros têm de mais...No meu caso eu tenho força de mais e tenho uma capacidade de controlar as minhas emoções e escondê-las das pessoas que me rodeiam que me irrita várias vezes. Para mim não é difícil ser forte, mas é difícil admitir que não sou tão forte como todos pensam...seria como admitir que a Luna que todos conhecem como sendo uma pessoa sensata e forte não passa de um ser frágil...Mas ás vezes penso que é isso mesmo que quero, que as pessoas possam ver o meu verdadeiro "Eu".
Como podes ver "A galinha da vizinha é sempre melhor do que a minha" mas às vezes a "vizinha" não está assim tão satisfeita...
O ideal seria achar um ponto de equilíbrio entre a força e a fragilidade...como é que isso se faz é que eu não sei ;)
Quanto à música, acho que acontece a toda a gente...quanto mais em baixo estamos mais deprimentes são as músicas que ouvimos, é um mau hábito impossível de controlar!
Mais um optimo post...como sempre!


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
14
15
17

18
20
21
24

26
28
29
30


Últ. comentários
Olá Daiane!Sou Psicóloga e fazendo uma pesquisa no...
Olá ! Agradeço as visitas que recebo de sua parte ...
Não pude deixar de vir cuscar e comentar! Goste...
Olá! =)Todos nós merecemos um "miminho" ocasionalm...
Oh... Isso foi tão incrivelmente fofo. Agora fique...
Gosto
boa música e bom vídeo!
Dói sim! Só pode doer, quando o ser interior é tão...
Olá :)Gostava muito de falar melhor contigo! Neste...
Nicka, até eu gostava de ouvir um seu "meo" da pes...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro