Criando um mundo à minha medida... -"Grande mundo!!! Tu só medes 1.80"...

Terça-feira, 23 de Setembro de 2008

Se a força surgisse dos nossos medos, ódios e desabores eu admitia! Admitia que sou fraco, se daí conseguisse retirar forças.

Deixaria verter lágrimas dos meus sofridos olhos, da minha sofrida alma. Mas, por mais que as lágrimas queiram sair para libertar a parte sofrida que existe em nós existe sempre algo que as faz ficarem retidas. Um sentimento que as fazem ficarem prisioneiras do olhar. Dando-nos a sensação de estarmos encurralados em nós próprios.

Como se existisse uma outra pessoa dentro de nós que não quer dar o braço a torcer, que quer demonstrar que é forte, que consegue suportar tudo e todos, vivendo assim numa eterna prisão de solidão.

O problema é que não é a solidão que nos aprisiona, nos é que nos refugiamos nela a procura de abrigo.

Infelizmente somos assim...

música: Telepopmusic - Just Breathe
publicado por EA às 11:33

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
24
25
26
27

28
29
30


Últ. comentários
Olá Daiane!Sou Psicóloga e fazendo uma pesquisa no...
Olá ! Agradeço as visitas que recebo de sua parte ...
Não pude deixar de vir cuscar e comentar! Goste...
Olá! =)Todos nós merecemos um "miminho" ocasionalm...
Oh... Isso foi tão incrivelmente fofo. Agora fique...
Gosto
boa música e bom vídeo!
Dói sim! Só pode doer, quando o ser interior é tão...
Olá :)Gostava muito de falar melhor contigo! Neste...
Nicka, até eu gostava de ouvir um seu "meo" da pes...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro