Criando um mundo à minha medida... -"Grande mundo!!! Tu só medes 1.80"...

Domingo, 30 de Março de 2008

Caminho rumo ao alto e transparente espelho de corpo.. Vejo nele o reflexo de um corpo cansado e farto do mundo! Vejo um ser caido e sem vontade de viver.. Vejo o meu reflexo..

Reparo que no mesmo espelho esta alguém que me é familiar, alguém que marcou-me numa vida passada, quem sabe numa outra encarnação, com outro corpo, com outro olhar..

Tento recordar o teu nome, da tua expressão mas, não consigo. Sinto que a pouco e pouco fui perdendo informações acerca do ser que eras, da importância que tinhas e que ainda por algum motivo tens no meu peito..

Sinto que és alguém que marcou a minha maneira de olhar para o mundo, colorindo com cores, com a vontade de quer pinta-lo com as minhas cores, deixando ele próprio de se pintar.

Sinto que o teu reflexo esta desaparecendo lentamente do espelho, da minha memória, do meu peito.

Apenas posso esperar que um dia, esse mesmo reflexo, essa sombra que encontro nesse mesmo espelho venha a poder estar comigo! 

sinto-me:
música: Coldplay - What If
tags:
publicado por EA às 20:11

Quarta-feira, 26 de Março de 2008
Penso acerca do porque de te ter contado as coisas, de abrir-me contigo, de ter admitido... Sinto que tudo esta diferente, que as coisas mudaram que a nossa relação mudou.
Não te vejo, não consigo falar contigo, não consigo um minuto...
Nem mesmo com os avanços tecnologicos sinto-te mais perto, pelo contrário. Consigo ver-te, mas ao mesmo tempo não consigo dizer nada, por mais que queira sinto a revolta da tua ausência permanente.
Mas todos os dias vejo as tuas fotos, vejo-te pelo quadradinho pequeno que esta no messenger, corro para a rua e olho para o horizonte e penso como tudo chegou a tal ponto.
Guardo religiosamente cada bocado de história que ficou. Desde mensagens, conversas, cartões que para muita gente, e até para ti, não tem qualquer tipo de significado, guardo letras, ouço músicas, revejo-te no mundo que eu criei e que, muitas vezes não consigo desligar.
Apenas queria que o mundo não mude tão depressa, ou que pelo menos, avise que vai mudar. Porque tentar aproveitar cada momento a pensar que poderá ser o ultimo não ajuda.. 
sinto-me:
música: Prince and the revolution - Sometimes it snows in April
tags:
publicado por EA às 18:24

Segunda-feira, 24 de Março de 2008

Não consigo entender o que se passa! Preocupas-te em mudar o mundo, em ficares cada vez melhor, em deixares uma marca positiva na nossa sociedade.

Dás extrema importância a toda a gente, ao que acontece para além das quatro paredes que revestem o nosso lar, até mesmo com a chuva que ouves cair no meio da rua. Mas, nunca perguntas-te se eu sou realmente feliz, se estou a sentir-me bem, não me dizes um simples olá… Para ti passei a ser mais um móvel que a pouco e pouco ganha poeira e que a sua utilidade vai se perdendo ao longo do tempo.

Queria que pelo menos voltasses a olhar para mim como outrora fizesses-te, presenteando-me com o sorriso que cobria meu coração de alegria e dava-me vontade de viver..

Neste dia que passou, senti a tua falta! Senti a falta de ouvir as tuas palavras a desejarem-me felicidades e coisas do género. Senti que mais uma vez esqueces-te de mim e que provavelmente se algum dia pensares em mim tudo ficará na mesma, sem nada para se dizer. Sinto que mesmo a crescer e a ver as coisas a melhorar aos poucos, sei que nunca mais será igual ao que era, por mais que queira tudo irá girar em torno de ti, do que sinto por ti, daquilo que algum dia desejei deixar de sentir mas, que nunca foi capaz de esquecer, enfim…

Um dia espero poder mudar estas palavras e poder escrever algo mais satisfatório para mim.

sinto-me:
música: Rodrigo Leão - António
publicado por EA às 15:32

Domingo, 23 de Março de 2008

Queria agradecer a todos que se lembraram de mim, que me mandaram mensagens, que me deram um especial "mimo" no dia de hoje.

Mas houve alguém de especial que hoje consegui-me tocar bem no fundo, onde rara é a pessoa que consegue tal proeza.

 

A tua mensagem:

"Não penses que me esqueci de ti! Deixei foi passar a azafama toda da meia noite e das pessoas todas a enviarem mensagens e a telefonarem e tudo e tudo. Não importa ser a primeira, importanta ser única! Não importa ser a primeira a dar parabéns, importa sim não esquecer e marcar essa pessoa positivamente! Não importa ser cínica e dizer parabéns da boca para fora à meia noite certa. Importa sim sentir o que é dito, e dizer o que se sente, nem que seja 3 dias mais tarde! Não importa dizer apenas parabéns, mas importa sim, agradecer-te por tudo! Todos os sorrisos partilhados e aqueles que me fazes soltar. Por me animares quando estou naqueles dias péssimos (são tantos). Pela amizade criada em tão pouco tempo. Obrigado menino viciado em Kinders! Quero que sejas muito feliz! E que neste dia tenhas cuidado com o coelhinho da Páscoa, porque ele este ano esta chateado contigo devido a lhe andares a roubar o protagonismo do dia dele.. bjs"

 

É nestas alturas que vemos com quem podemos contar e quem afinal esta sempre connosco e nos dá o verdadeiro Amor....

sinto-me:
música: Pluto - Algo mais
publicado por EA às 21:42

Sábado, 15 de Março de 2008

Balanço no velho e gasto baloiço. Dou impulso com as pernas para poder atingir mais velocidade, para atingir o céu. Á medida que começo a subir, ouço um chiar cada vez mais alto, cada vez com mais intensidade. Sinto as braças do velho e cansado carvalho a cederem, sinto que a braça se vai rasgando. A pouco e pouco, os meus pés raspam pela areia, levantando uma estranha e empoeirada nuvem de areia, mas mesmo assim continuo a baloiçar.

Sinto a adrenalina desmedida a penetrar meu corpo, tomando conta dos meus gestos e reflexos. Sinto que estou perto do céu, que consigo reter no nariz o cheiro das brancas e macias nuvens, sinto que consigo tocar no quente e longínquo sol. Sinto que aqui nada de mal me pode acontecer, momentaneamente a braça cede. Cai-o no chão repentinamente, sem ter qualquer hipótese de reacção. Fico assim, estatelado no chão de braços abertos olhando para o céu e liberto gargalhadas hediondos e incompreensíveis. Olho por minutos para o lado e vejo a frágil e só braça do carvalho, penso de como ela daqui em diante se deverá sentir deslocada do seu meio, só, desabrigada de um meio que a acolhia e que por mim fura roubada. Penso como já fui assim, como ainda sou um pouco assim e como irei ser sempre um pouco assim.

Sinto que agora o baloiço nunca mais será o mesmo velho e acolhedor baloiço, haverá sempre uma parte dele que irá faltar…        

sinto-me:
música: Yann Tiersen - L`apres midi
publicado por EA às 19:26

Terça-feira, 04 de Março de 2008

Find a way and clear my soul

Driving out to get my goal

                     

God knows I cannot stand

It`s time to say goodbye

                     

You don`t know, you should have known

The pain I feel inside

                     

So, I was dreaming of you

I was falling with you

And broke my heart

Find a way and clear my soul

Driving out to get my goal

 

You don`t know, you should`ve known

The pain I feel inside

God knows I cannot stand

It`s time to say goodbye

 

Find a way to ease my breath

On and on to fill my chest

                     

I can`t stay, I cannot stay

Cause only tears remain

 

I can`t hide, I cannot fight

And play this crying game

                     

So, I was dreaming of you

I was falling with you

And broke my heart..

sinto-me:
música: Rodrigo Leão
publicado por EA às 11:49

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21
22

25
27
28
29

31


Últ. comentários
Olá Daiane!Sou Psicóloga e fazendo uma pesquisa no...
Olá ! Agradeço as visitas que recebo de sua parte ...
Não pude deixar de vir cuscar e comentar! Goste...
Olá! =)Todos nós merecemos um "miminho" ocasionalm...
Oh... Isso foi tão incrivelmente fofo. Agora fique...
Gosto
boa música e bom vídeo!
Dói sim! Só pode doer, quando o ser interior é tão...
Olá :)Gostava muito de falar melhor contigo! Neste...
Nicka, até eu gostava de ouvir um seu "meo" da pes...
O que me vai na alma...
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro