Criando um mundo à minha medida... -"Grande mundo!!! Tu só medes 1.80"...

Sábado, 12 de Janeiro de 2008

Da triste escrita que a pouco e pouco é libertada por estas antigas e enrugadas mãos, que da vida tanto sentiram e tão pouco viveram…

 São agora essas mesmas que tentam mudar o rumo desta triste e enfadonha vida. Tentando mudar a maneira de ver e de querer as coisas…

Que tentam fazer de mim o que não sou e que em tempos desejei ser…

Para elas, sou apenas mais um antigo novo ser, que aprende e apreende o mundo… Conhecedor experiente de sentimentos tristes e apologista do sorriso no canto dos lábios…

Gostava de um dia poder partilhar o meu fardo de tristeza com alguém, sentir que não sou como o ATLAS, (personagem da mitologia grega) que suporta o mundo com os ombros.

Queria conseguir ser capaz de seguir a astrologia, este mês dizia: “segure as rédeas da sua vida e procure novos caminhos, irá sofrer, mas o prazer que o sucederá será a sua recompensa”… Penso: - Será que ainda tem que ser mais??? Já não chega…    

sinto-me:
música: dEUS- Nothing really ends
publicado por EA às 21:27

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
16

21
22
23
24
25

27
28
29
30
31


Últ. comentários
Olá Daiane!Sou Psicóloga e fazendo uma pesquisa no...
Olá ! Agradeço as visitas que recebo de sua parte ...
Não pude deixar de vir cuscar e comentar! Goste...
Olá! =)Todos nós merecemos um "miminho" ocasionalm...
Oh... Isso foi tão incrivelmente fofo. Agora fique...
Gosto
boa música e bom vídeo!
Dói sim! Só pode doer, quando o ser interior é tão...
Olá :)Gostava muito de falar melhor contigo! Neste...
Nicka, até eu gostava de ouvir um seu "meo" da pes...
O que me vai na alma...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro